Foto Colunista

POR Paoula Braid

Tenta de novo, vai!

Colunistas / 21.11.17

Muitos dizem que é preciso coragem para começar, seja um relacionamento, um trabalho, um livro. Mas acredito que seja muito mais corajoso REcomeçar.

Recomeços não chegam sozinhos, chegam carregados de frustrações, de situações que não aconteceram, de sonhos defeitos, de tristeza. Recomeçar é mais doloroso por que você provavelmente falhou na primeira vez e dá um embrulho no estômago em tentar de novo algo que nos machucou.

Saiba que isso é normal, não existe uma pessoa nessa terra que não tenha sofrido em retomar um projeto. Todos guardamos os sonhos numa caixinha e temos medo de abri-la. Afinal, podemos não conseguir.

Segundas são boas para recomeçar, mas sábados também. Precisamos entender que não existe dia nem hora para tomarmos coragem de ir além.  Podemos recomeçar uma dieta no domingo e iniciar a segunda sem a pressão de que ele é “O DIA”.

Devemos recomeçar os estudos mesmo que aquele livro não tenha chegado, a internet está aí cheia de informações e aulas para todos, podemos recomeçar aquela planilha mesmo sem todas as informações do trabalho, organizando o que será preenchido. Podemos sempre recomeçar, o mais importante é deixar a arte da procrastinação de lado.

E devemos encontrar dentro de nós a vontade de refazer e ajustar o que deu errado, não é vergonha falhar, mas é vergonhoso não tentar.

Perdi as contas de quantas dietas fiz esse ano, de quantos quilos ganhei e retomei, de quantas vezes deixei a matéria acumular, de quantas promessas não cumpri. Mas o final do ano traz essa sensação de que podemos conseguir, não é? De que podemos recomeçar. Porque um novo ano vem acompanhado do espírito do recomeço.

Mas quero te desafiar a não esperar janeiro, não esperar o carnaval passar, quero te desafiar a começar HOJE!

Chegou a hora de abrir a tua caixinha de sonhos e tirar o que você guardou. Comece com pequenas tarefas: arrume seus livros, maquiagens, armário. Aumente seus projetos como retomar a academia, diminuir o fastfood, a bebida. Então, passe para algo grande: a preparação para uma aprovação em concurso, o início de uma pós-graduação, a reforma da sua casa, o perdão para alguém que magoou –  sim porque carregar uma magoa pode nos impedir de crescer em todos as áreas da nossa vida.

Invista em você e na sua caixinha de sonhos. Principalmente acredite que você pode fazer de novo e quantas vezes forem necessárias até alcançar seu objetivo.

Recomeçar é o maior ato de coragem em um mundo de desistentes.

Então, tenta de novo, vai!

____________

Paoula Braid, 26 anos, advogada em busca de um cargo público, morando em Brasília por motivos do coração e vivendo a sua maior aventura: o casamento.

_____________________________________________________________

Os artigos publicados com assinatura não traduzem a opinião do Site BH. Possibilitamos que o leitor conheça opiniões diversificadas sobre os assuntos em pauta nas mídias sociais. Sempre iremos expor visões diferentes para que o leitor se questione, questione o mundo ao seu redor e, principalmente, corra do senso comum. Quer ver o seu texto por aqui? Mande para redacaositebh@gmail.com

Share on Facebook13Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

*

ARQUIVOS

BH NO INSTAGRAM

FOLLOW @BARBARAHELLEN

BH NO FACEBOOK